domingo, 30 de junho de 2013

São Pedro e São Paulo

 Boa noite, meus queridos amigos.
Hoje é o último dia do mês mais romântico, como citei anteriormente, com lindos poemas românticos no “Cantinho da Literatura”; a alegria das festas juninas e o clima agradável que chegou junto com a estação do inverno que começou na semana passada, enfim..., para fechar esse mês de tantas comemorações, não posso deixar de falar sobre esses dois personagens tão importantes, que são homenageados no dia 29 de junho, que são Pedro e Paulo, apóstolos de Jesus, encerrando assim as comemorações das festas juninas.
Desejo uma ótima semana a todos e que esse mês de julho seja muito produtivo e abençoado.
Abraços da amiga Janete

    São Pedro  
O apóstolo - pescador do lago de Genezareth, cativa seus devotos por sua história pessoal.
Homem de origem humilde, que foi apóstolo de Cristo e posteriormente encarregado 
de fundar a Igreja católica, tendo sido assim, o primeiro papa.
Depois da sua morte, São Pedro segundo a tradição católica, 
São Pedro foi nomeado o chaveiro do céu.
Para entrar no céu, é necessário que São Pedro abra as portas.
Também lhe é atribuída a responsabilidade de fazer chover, 
assim quando começa a trovejar, e as crianças choram 
com medo, suas mães tentam acalmá-las dizendo: " é a 
barriga de São Pedro que está roncando" ou " ele está mudando os móveis do lugar".
No dia 29 de junho, São Pedro é cultuado como protetor das viúvas (sendo estas mulheres que, geralmente, organizam a sua festa) e dos pescadores e são realizadas procissões marítimas 
em sua homenagem em Ubatuba; em Fortaleza, na praia de Iracema, ...
Dizem que as pessoas, quando chega o dia de São Pedro, estão muito cansadas 
por causa da noite joanina e já não têm resistência para grandes folias,
 sendo os fogos e o pau-de-sebo as principais atrações da festa.
No dia de São Pedro, todo homem que tem Pedro ligado a seu nome 
deve acender fogueiras na porta das suas casas e amarrando-se
 uma fita no braço de um Pedro, ele se vê na obrigação de dar um presente 
ou pagar uma bebida a pessoa que o amarrou, em homenagem a São Pedro.
A bondade, a simplicidade e boa - fé deste santo, pode ser exemplificada 
através da seguinte história: "São Pedro, discípulo de Jesus nascido 
em Betsaida, cujas principais fontes de informação sobre sua vida são os 
quatro Evangelhos (Mateus, Marcos, Lucas e João), os Atos dos Apóstolos,
 as epístolas de Paulo e as duas epístolas do próprio Pedro.
Irmão do apóstolo André, seu nome original era Simão e na 
época de seu encontro com Cristo morava em Cafarnaum.
Pescador, tal como os apóstolos Tiago e João, trabalhava com o irmão e o
 pai e foi apresentado a Jesus por seu irmão, em Betânia, onde tinha ido
 conhecer o Cristo, por indicação de João Batista.
No primeiro encontro Jesus o chamou de Cefas, que significava pedra, 
em aramaico, determinando, assim, ser ele o apóstolo escolhido 
para liderar os primeiros propagadores da fé cristã pelo mundo.
Convertido, transformou-se em líder dos apóstolos, foi 
o primeiro a perceber em Jesus o filho de Deus.
Teve, também, seus momentos controvertidos, como quando 
usou a espada para defender Jesus e na passagem da tripla negação, 
e de consagração, pois foi a ele que Cristo apareceu pela primeira vez depois de ressuscitar.
Após a Ascensão, presidiu a assembléia dos apóstolos que escolheu 
Matias para substituir Judas Iscariotes, fez seu primeiro 
sermão no dia de Pentecostes e peregrinou por várias cidades.
Após se encontrar com São Paulo, em Jerusalém, passou 
a viver em Roma, onde, segundo a tradição, foi executado por ordem de Nero.
Conta-se, também, que pediu para ser crucificado de cabeça
 para baixo, por se julgar indigno de morrer na mesma posição de Cristo.
É festejado no dia 29 de junho, um dia de importantes manifestações
 folclóricas, principalmente no Nordeste brasileiro.

São Paulo 
Nasceu em Tarso da Sicília, por volta do ano 10 da era cristã.
Além de ser judeu, era também cidadão romano.
Desde pequeno foi educado conforme a doutrina dos fariseus.
Destacou-se como um implacável perseguidor das primeira comunidades cristãs.
Foi conivente com o assassinato de Santo Estevão.
Sua conversão ocorreu de modo inesperado quando ele estava a 
caminho de Damasco, liderando uma perseguição contra os cristãos daquela cidade.
Jesus Ressuscitado apareceu-lhe e o derrubou do cavalo, 
transformado-o de cruel perseguidos dos cristãos em ardoroso apóstolo dos gentios.
Paulo consagrou toda a sua vida a serviço de Cristo, viajando
 por todo o mundo, anunciando o Evangelho de Jesus Cristo.
Percorreu a Ásia Menor, a Grécia e Roma. São Paulo era o mais culto dos apóstolos.
Era homem de grande poder de liderança.

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Gonçalves Dias

Bom dia, meus queridos amigos.
Já comentei com vocês sobre a minha ansiedade em chegar quinta-feira, o dia do nosso “Cantinho da Literatura” e fico sempre em dúvida do que oferecer a vocês;  às vezes, procuro ser mais coerente com algumas datas próximas, aproveitando textos para essas ocasiões, mas é sempre muito difícil, pois como vocês sabem, são muitos escritores, poetas, pensadores; são muitas as categorias e às vezes penso em fazer uma seleção de textos, de muitos de uma só vez, mas como é necessário segurar a ansiedade, tento substituí-la pela paciência.

Desde a minha adolescência, quando conheci esse poema, jamais esqueci, principalmente os dois versos, que consegui gravar e guardar. Essa semana; não sei se por alguma motivação, pelo patriotismo, talvez, diante de tanta manifestação; só sei que não saiu do meu pensamento; então pensei: vou falar sobre Gonçalves Dias. É sempre difícil falar desses queridos e eternos escritores, com uma biografia muito rica e extensa e com inúmeras obras, mas não posso deixar de resumir um pouco sobre a sua vida. Confesso que até agora, essa é a biografia que mais me comoveu e sugiro que leiam a história desse homem especial e romântico, encerrando assim o mês de junho nesse espaço que também é muito especial no nosso blog da amizade.
Abraços da amiga Janete
Biografia de Gonçalves Dias:
Poeta romântico brasileiro.
Gonçalves Dias (1823-1864) foi poeta e teatrólogo brasileiro. É lembrado como o grande poeta indianista da geração romântica. Deu romantismo ao tema índio e uma feição nacional à sua literatura. É lembrado como um doa melhores poetas líricos da literatura brasileira. É Patrono da cadeira nº 15 da Academia Brasileira de Letras.
Gonçalves Dias nasceu nos arredores de Caxias, no Maranhão, no dia 10 de agosto de 1823. Filho de um comerciante português e uma mestiça. Iniciou seus estudos no Maranhão e ainda jovem viaja para Portugal. Em 1838 ingressa no Colégio das Artes em Coimbra, onde conclui o curso secundário. Em 1840 ingressa na Universidade de Direito de Coimbra, onde tem contato com escritores do romantismo português, entre eles, Almeida Garret, Alexandre Herculano e Feliciano de Castilho. Ainda em Coimbra, em 1843, escreve seu famoso poema "Canção do Exílio", onde expressa o sentimento da solidão e do exílio.
Gonçalves Dias volta ao Maranhão em 1845, depois de formado em Direito. Ocupa vários cargos no governo imperial e realiza diversas viagens à Europa. Vai para o Rio de Janeiro em 1846 e em 1847 publica o livro "Primeiros Cantos", que recebe elogios de Alexandre Herculano, poeta romântico português. Ao apresentar o livro, Gonçalves Dias confessa: "Dei o nome Primeiros Cantos às poesias que agora publico, porque espero que não sejam as últimas". Em 1848 publica o livro "Segundos Cantos".
Em 1849, é nomeado professor de Latim e História do Brasil no Colégio Pedro II. Durante esse período escreve para várias publicações, entre elas, o Jornal do Comércio, a Gazeta Mercantil e para o Correio da Tarde. Fundou a Revista Literária Guanabara.
Gonçalves Dias publica em 1851 o livro "Últimos Cantos". Regressa ao Maranhão, e conhece Ana Amélia Ferreira do Vale, por quem se apaixona. Por ele ser mestiço, a família dela proíbe o casamento. Mais tarde casa-se com Olímpia da Costa.
Gonçalves Dias exerceu o cargo de oficial da Secretaria de Negócios Estrangeiros, foi várias vezes à Europa e em 1854, em Portugal, encontra-se com Ana Amélia, já casada. Esse encontro inspira o poeta a escrever o poema "Ainda Uma Vez - Adeus!".
Em 1862, Antônio Gonçalves Dias vai à Europa para tratamento de saúde.
Sem resultados embarca de volta no dia 10 de setembro de 1864. No dia 3 de novembro o navio francês Ville de Boulogne em que estava, naufraga perto do Farol de Itacolomi, na costa do Maranhão, onde o poeta falece.
Em homenagem a esse grande poeta, um dos mais conhecidos poemas:
Canção do Exílio
Gonçalves Dias entrelaça a poesia sobre a natureza e a poesia saudosista. O poeta maranhense, em seu verso, lembra da infância, dos amores idos e vindos. Na Europa sente-se exilado e é levado até a sua terra natal. "Canção do Exílio" é um clássico de nossa literatura:

"Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá;
As aves, que aqui gorjeiam,
Não gorjeiam como lá.

Nosso céu tem mais estrelas,
Nossas várzeas têm mais flores,
Nossos bosques têm mais vida,
Nossa vida mais amores.

Em cismar, sozinho, à noite,
Mais prazer encontro eu lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Minha terra tem primores,
Que tais não encontro eu cá;
Em cismar - sozinho, à noite - 
Mais prazer encontro eu lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Não permita Deus que eu morra,
Sem que eu volte para lá;
Sem que desfrute os primores
Que não encontro por cá;
Sem qu'inda aviste as palmeiras,
Onde canta o Sabiá."
Gonçalves Dias.





segunda-feira, 24 de junho de 2013

Mensagem do Padre Marcelo

Queridos amigos, mais uma linda mensagem do Padre Marcelo Rossi para vocês.
Estamos atravessando momentos difíceis e precisamos nos unir em oração, para que a justiça seja feita de acordo com a vontade de Deus.
Uma ótima semana a todos. Abraços da amiga Janete.
Amados!!
Tenha fé e confiança em Deus, principalmente nas horas mais difíceis da sua vida.
Não se desespere. Não amaldiçoe as horas de dificuldade.
Seja corajoso e forte nas ocasiões que lhe parecem de tempestade.
Cristo, no Horto das Oliveiras, quando o anjo lhe apresentou o cálice da amargura e ele viu tudo que ia passar, também teve medo.
O homem que estava nele, apavorado disse: "Pai, se for possível, afasta de mim esse cálice."
Logo em seguida, confiando, disse:
"Não se faça a minha, mas a tua vontade."
Padre Marcelo Rossi.




São João


Olá, meus queridos amigos.
Como sabemos, o mês de junho é um mês muito festivo, onde se comemoram as famosas festas juninas, homenageando Santo Antônio, no dia 12, São João, dia 24 e São Pedro, dia 29.
Vou falar um pouco sobre São João, que hoje, 24 de junho, está sendo comemorado em todo o país, com lindas festas e muita oração.
Origem do Dia de São João
O Dia de São João é comemorado em 24 de junho, pois é a data tradicionalmente atribuída ao seu nascimento. São João é considerado o santo mais próximo de Cristo, pois além de ser seu parente de sangue, Jesus foi batizado por João nas margens do Jordão.
Festa Junina de São João
O São João é uma das principais figuras das festas juninas. Ele é também conhecido como "Santo festeiro", e nesse dia são realizadas muitas festas e comemorações, cheias de danças. Alguns símbolos muito conhecidos nas celebrações são a fogueira, o mastro, os fogos, a capelinha, a palha e o manjericão e outros. O Dia de São João também possui várias comidas e doces típicos, como: rapaduras, amendoim, bolo de milho, curau, canjica, bolo de aipim, paçoca e outros...

Oração a São João Batista
Glorioso S. João Batista, que fostes santificado no seio materno, ao ouvir vossa mãe a saudação de Maria Santíssima, e canonizado ainda em vida, pelo mesmo Jesus Cristo, que declarou solenemente não haver entre os nascidos de mulheres nenhuma maior do que vós; por intercessão da Virgem e pelos infinitos merecimentos do seu divino Filho, de  quem fostes precursor, anunciando-o como Messias e apontando-o como o Cordeiro de Deus que tira o pecado do Mundo, alcançai-nos a graça de darmos também nós testemunhos da verdade e sela-lo até, se for, com o próprio sangue, como o fizestes vós, degolado iniquamente  por ordem de um rei cruel e sensual, cujos desmandos e caprichos havíeis justamente verberado.
Abençoai esta vossa casa e fazei que aqui floresçam todas as virtudes que praticastes em vida, para que, verdadeiramente animados do vosso espírito, no estado em que Deus nos colocou, possamos um dia gozar convosco da bem-aventurança eterna. Assim seja.
Retirada do livro: Orações do Povo de Deus. Editora Vozes.

 Ontem, com a antecipação do dia de São João Batista, dezenas de fiéis saíram em procissão da paróquia de São João Batista pelas ruas do bairro da Chã de Jaqueira, em Maceió.

Aproveitem bem esse dia, com oração e muita comemoração.
Abraços da amiga Janete
Viva Santo Antônio! Viva São João! Viva São Pedro!
Boas Festas!!!
"Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus, e todo o que ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor."
I João 4, 7-8. Bíblia Sagrada Editora "Ave Maria"



domingo, 23 de junho de 2013

Novo visual

Boa noite, meus queridos amigos.
Vocês já devem ter percebido a mudança nas páginas do nosso blog da amizade.
Está de “roupa nova”, com uma paisagem em tons “pastel”, suave e adequado para essa estação mais fria e ao mesmo tempo, aquecida com o romantismo que ela nos inspira, no “clima” das paisagens do inverno.
 “janetenaweb”, a cada aniversário, muda o seu visual, mas hoje resolvi que essa mudança será bem legal, acompanhando as estações do ano e desse modo não ficará muito cansativo e como estamos no início do inverno, preparei essa surpresa, esperando que seja do agrado de todos.
Desejo que essa estação venha acompanhada de muitas realizações, lembrando que já estamos no meio do ano e que tudo está passando muito rápido, então, que aproveitem bem esse tempo de muita expectativa.
Para quem gosta do frio, aproveitem e tirem um tempinho para um passeio nas cidades serranas; que as famílias possam “namorar” a natureza das mais lindas e abençoadas paisagens, curtindo o friozinho com alegria e gratidão.
Um ótimo inverno para vocês, com saúde e paz.
Abraços da amiga Janete.
               
           
Uma sugestão para vocês: 
Domingos Martins - ES
                     
“Examina a vereda em que pões os teus pés, e todos os teus caminhos serão firmes.”
(Livro dos Provérbios)
“Eu sou aquela mulher que fez a escalada da montanha da vida, removendo pedras e plantando flores”
Cora Coralina
“Nos dias de inverno, aconchega-te do teu amor, divirta-se com as crianças, acenda uma fogueira e reúna-te com teus amigos. O calor do amor é tão vital quanto o calor do sol!”
(Augusto Branco)



MENSAGEM


Olá, meus queridos amigos.
Escolhi essa mensagem para vocês, encerrando essa semana que foi tumultuada pelas manifestações em todo o país; com jovens e pessoas de todas as idades, mais uma vez mobilizados na luta por um futuro melhor, por um país mais decente e consciente; clamando por justiça em todas as suas reivindicações.
Acima de tudo, clamando pela PAZ, que diante de tanta desigualdade, ambição política, a corrupção descarada, que é mais prejudicial do que as piores drogas, que não se consegue combater, fazendo com que muitos desses jovens que estão à frente dessas manifestações, muitas vezes, se percebem desacreditados de lutar, achando que não vale a pena insistir na luta pela vida. 
Mas é preciso buscar essa paz para acalmar os ânimos, os passos de cada um desses jovens idealistas e acima de tudo, acalmar os corações desiludidos e cansados, ainda tão jovens e por isso mesmo estão nessa luta, alimentando uma enorme esperança de serem ouvidos pelos seus clamores de paz e justiça, para que possam ter uma vida e um futuro mais dignos.
Essa mensagem do Padre Marcelo Rossi, além de definir a paz, mostra que sem conscientização e coragem, realmente fica difícil fortalecer a fé na vida, a fé de que esse movimento será bem sucedido.
Desejo a todos os meus queridos seguidores, leitores e a todos esses jovens corajosos e que souberam conduzir essa manifestação geral no nosso querido Brasil, que todos os esforços não tenham sido em vão, afinal, de qualquer forma teremos que pagar pelos prejuízos causados pelos vândalos, pois eles, sem educação e sem sabedoria, esqueceram que assim como nós, eles também pagam as contas pelos danos causados ao patrimônio público e privado.
Quero parabenizar a todos que participaram desse movimento, de cara limpa; lutando pelos seus direitos e acreditando na força dessa união, especialmente aos meus filhos que apesar da minha preocupação, se uniram a uma grande multidão cumprindo o papel de cidadãos.
Um ótimo final de semana a todos, com muito amor no coração.
Saúde e paz.
Abraços da amiga Janete
Amados!!!
Paz não é apenas a ausência de guerra entre os países.
Paz é garantir que todas as pessoas tenham moradia, comida, roupa, educação, saúde, amor, compreensão, ou seja, 
boa qualidade de vida.
Paz é cuidar do ambiente em que vivemos; garantir a boa qualidade de água, o saneamento básico, a despoluição do ar, o bom aproveitamento da terra.
Paz é buscar a serenidade dentro da gente para viver com alegria os bons momentos,
ter força e boas ideias para enfrentar os problemas e resolver as dificuldades.
Isso tudo sem precisar fugir.
Acima de tudo, PAZ é criar um clima de harmonia e bem-estar na família e na comunidade,
lembrando-se sempre de que onde há amor, há paz.
Onde há paz, há Deus e onde há Deus, nada falta.
Padre Marcelo Rossi.
Momento Certo = Kairós = Tempo de Deus!!!

                        
                        
                                      


quinta-feira, 20 de junho de 2013

Cecília Meireles - A Arte de Ser Feliz

Olá, meus queridos amigos.
Esse mês romântico, com o inverno se aproximando e quase não temos tempo para apreciar as belezas que a vida nos proporciona, com gestos simples e a rotina da própria vida que segue, e que ao menos temos tempo para apreciar ou, quem sabe, ainda não aprendemos a observar o que se passa à nossa volta...
Hoje, no nosso "Cantinho da Literatura", ofereço a vocês, meus queridos leitores, três poemas da nossa querida escritora Cecília Meireles.
Suaves, como sempre foi o seu jeito de expressar os seus sentimentos e com o jeito especial de procurar entender a vida.
A arte de ser feliz, Retrato e Canção de Outono, fechando assim essa estação de clima agradável, romântica e que antecede o inverno que está apenas começando.
Esses textos de Cecília Meireles, com certeza, vão fazer despertar a vontade de prestarmos mais atenção a essas ações naturais, a essas riquezas que recebemos no dia-a-dia. Pensar no quanto a vida passa tão depressa e quando nos damos conta, já não sabemos como nosso rosto mudou, nossas mãos enfraqueceram, e como passou tudo de repente, e como não temos mais tempo de resgatar aquele sorriso que nos esquecemos de enfeitar a nossa face com as coisas mais belas que recebemos de graça e não sabemos dar valor. Ainda é tempo de ser feliz.
Abraços da amiga Janete

A arte de ser feliz
Houve um tempo em que minha janela se abria
sobre uma cidade que parecia ser feita de giz.
Perto da janela havia um pequeno jardim quase seco.
Era uma época de estiagem, de terra esfarelada,
e o jardim parecia morto.
Mas todas as manhãs vinha um pobre com um balde,
e, em silêncio, ia atirando com a mão umas gotas de água sobre as plantas.
Não era uma rega; era uma espécie de aspersão ritual, para que o jardim não morresse.
E eu olhava para as plantas, para o homem, para as gotas de água que caíam de seus
dedos magros e meu coração ficava completamente feliz.
às vezes abro a janela e encontro o jasmineiro em flor.
Outras vezes encontro nuvens espessas.
Avisto crianças que vão para a escola.
Pardais que pulam pelo muro.
Gatos que abrem e fecham os olhos, sonhando com pardais.
Borboletas brancas, duas a duas, como refletidas no espelho do ar.
Marimbondos que sempre me parecem personagens de Lope de Vega.
Às vezes, um galo canta.
Às vezes, um avião passa.
Tudo está certo, no seu lugar, cumprindo o seu destino.
E eu me sinto completamente feliz.
Mas, quando falo dessas pequenas felicidades certas,
que estão diante de cada janela, uns dizem que essas coisas não existem,
outros que só existem diante das minhas janelas, e outros,
finalmente, que é preciso aprender a olhar, para poder vê-las assim.
Cecília Meireles
Retrato
"Eu não tinha este rosto de hoje,
assim calmo, assim triste, assim magro,
nem estes olhos tão vazios, nem o lábio amargo.
Eu não tinha estas mãos sem força,
tão paradas e frias e mortas;
eu não tinha este coração que nem se mostra.
Eu não dei por esta mudança,
tão simples, tão certa, tão fácil:
Em que espelho ficou perdida a minha face?"

Cecília Meireles
CANÇÃO DE OUTONO
Perdoa-me, folha seca,
Não posso cuidar de ti.
Vim para amar neste mundo,
e até do amor me perdi.
De que serviu tecer flores
pelas areias do chão,
se havia gente dormindo
sobre o próprio coração?
E não pude levantá-la!
Choro pelo que não fiz.
E pela minha fraqueza
é que sou triste e infeliz.
Perdoa-me, folha seca!
Meus olhos sem força estão
velando e rogando àqueles
que não se levantarão...
Tu és a folha de outono
voante pelo jardim.
Deixo-te a minha saudade
- a melhor parte de mim.
Certa de que tudo é vão.
Que tudo é menos que o vento,
menos que as folhas do chão...
Cecília Meireles

terça-feira, 18 de junho de 2013

Blusa de crochê e blusinha de tricô

Olá, meus queridos amigos.
Depois de algum tempo, finalmente concluí dois trabalhos que estou exibindo no "Crochê e Tricô 2013". Não tenho tido muito tempo, mas em breve voltarei com novidades para vocês.
Espero que curtam esses trabalhos. Se preferirem, aproveitem o campo de comentários abaixo da página para alguma sugestão ou crítica.
Abraços da amiga Janete


 Blusa com mangas curtas, feita em crochê com ponto segredo.
Linha Nathalia, nas cores rosa e bege - 42/44
R$ 60,00 (Vendida)

 
Blusinha versátil, feita em tricô na linha Camila Fashion creme
Tamanho 40/42
R$ 40,00 (Vendida)
"Não reproves antes de teres examinado; indaga primeiro, depois julga." (Eclo 11,7)




segunda-feira, 17 de junho de 2013

Mensagem - Padre Marcelo Rossi



Bom dia, meus queridos amigos.
Graças a Deus, o final de semana foi tranquilo, mas sem novidades e para dar início a mais uma semana, que tal uma mensagem abençoada para vocês?

Amados!!!
A VIDA É UM DESAFIO
Busque a presença de Deus, dentro de você mesmo, rendendo-se a Ele.
Viva um dia de cada vez
Aprenda a agradecer por tudo
Caminhe firmemente em busca de seu objetivo
Seja uma pessoa de ação
Procure "voar" mais alto
Não se desespere em momento algum...
A vida é realmente difícil, mas Deus tem recursos suficientes para nos fazer
 viver da melhor maneira possível.
Padre Marcelo Rossi.
Uma ótima semana a todos.
Saúde e paz.

Uma foto especial que tirei para vocês.
Abraços da amiga Janete


quarta-feira, 12 de junho de 2013

Cecília Meireles

Olá, meus queridos amigos. Antecipei a nossa edição do Cantinho da Literatura que apresento todas as quintas-feiras, pois hoje é um dia muito especial.
Na semana passada, dei início ao mês mais romântico, que é o mês de junho. Hoje é o DIA DOS NAMORADOS e continuo com as homenagens para os apaixonados.  Aproveitem bem esse dia especial e curtam uma noite maravilhosa com o seu amado.
Apaixonem-se, mesmo que estejam sem um companheiro, sem um namorado, mas apaixonem-se, pois o importante é o amor.
Amor a nós mesmos, possibilitando a entrada de sentimentos positivos em nosso coração.
Sei que os poemas de amor são tantos, que fica difícil selecionar, mas em nome de todos os escritores românticos, escolhi alguns poemas e pensamentos de alguns desses escritores para presentear esse nosso espaço, fazendo com que nos inspire a sonhar e a amar...
POEMAS PARA O DIA DOS NAMORADOS

"O Amor...
É difícil para os indecisos.
É assustador para os medrosos.
Avassalador para os apaixonados!
Mas, os vencedores no amor são os fortes.
Os que sabem o que querem e querem o que têm!
Sonhar um sonho a dois,
e nunca desistir da busca de ser feliz,
é para poucos!!"
Cecília Meireles
"Basta-me um pequeno gesto,
feito de longe e de leve,
para que venhas comigo
e eu para sempre te leve...
Cecília Meireles
Serenata
"Permita que eu feche os meus olhos,
pois é muito longe e tão tarde!
Pensei que era apenas demora,
e cantando pus-me a esperar-te.
Permita que agora emudeça:
que me conforme em ser sozinha.
Há uma doce luz no silêncio, e a dor é de origem divina.
Permita que eu volte o meu rosto para um céu maior que este mundo,
e aprenda a ser dócil no sonho como as estrelas no seu rumo"
Cecília Meireles
Ternura
Eu te peço perdão por te amar de repente
Embora o meu amor
seja uma velha canção nos teus ouvidos
Das horas que passei à sombra dos teus gestos
Bebendo em tua boca o perfume dos sorrisos
Das noites que vivi acalentando
Pela graça indizível
dos teus passos eternamente fugindo
Trago a doçura
dos que aceitam melancolicamente.
E posso te dizer
que o grande afeto que te deixo
Não traz o exaspero das lágrimas
nem a fascinação das promessas
Nem as misteriosas palavras
dos véus da alma...
É um sossego, uma unção,
um transbordamento de carícias
E só te pede que te repouses quieta,
muito quieta
E deixes que as mãos cálidas da noite
encontrem sem fatalidade
o olhar estático da aurora.
Vinícius de Moraes
Amor em paz
Eu amei
Eu amei, ai de mim, muito mais
Do que devia amar
E chorei
Ao sentir que iria sofrer
E me desesperar

Foi então
Que da minha inifinita tristeza
Aconteceu você
Encontrei em você a razão de viver
E de amar em paz
E não sofrer mais
Nunca mais
Porque o amor é a coisa mais triste
Quando se desfaz.
Vinícius de Moraes


"Se queres sentir a felicidade de amar, esquece a tua alma.
A alma é que estraga o amor.
Só em Deus ela pode encontrar satisfação.
Não noutra alma.
Só em Deus - ou fora do mundo.
As almas são incomunicáveis.
Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.
Porque os corpos se entendem, mas as almas não."
Manoel Bandeira
"Não quero mais amar a ninguém
Não fui feliz, o destino não quis
O meu primeiro amor
Morreu como a flor
Ainda em botão,
Deixando espinhos
Que dilaceram meu coração."
Cartola
O Amor
O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar pra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente
Cala: parece esquecer.

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
Pra saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
 Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar...
Fernando Pessoa
O amor romântico é como um traje, que, como não é eterno, dura tanto quanto dura; e, em breve, sob a veste do ideal que formamos, que se esfacela, surge o corpo real da pessoa humana, em que o vestimos. O amor romântico, portanto, é um caminho de desilusão. Só o não é quando a desilusão, aceite desde o princípio, decide variar de ideal constantemente, tecer constantemente, nas oficinas da alma, novos trajes, com que constantemente se renove o aspecto da criatura, por eles vestida.
Fernando Pessoa
BILHETE
Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres,
enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...
Mario Quintana
"E a emoção do nosso amor
Não dá pra ser contida
A força desse amor
Não dá pra ser medida
Amar como eu te amo
Só uma vez na vida"
Roberto Carlos
Como é lindo o amor. Como é lindo amar...
Como é lindo viver o amor, como é lindo sonhar...
Se um dia a paixão aconteceu em sua vida e não foi possível sustentá-la,
Acredite que uma grande paixão é sem dúvida fruto de uma grande conquista.
Acredite que se houve uma grande conquista, não foi apenas uma paixão, mas acredite:
foi um grande amor.
Acredite que se aconteceu um grande amor, a paixão não é passageira; ela te acompanha para o resto da vida, é uma motivação para viver, apenas com um doce sabor da lembrança...
Janete

Parabéns a todos os casais apaixonados!

Abraços da amiga Janete














terça-feira, 11 de junho de 2013

Limpeza de azulejos e rejuntes

Olá, meus queridos amigos.
Mais uma dica de limpeza muito fácil e eficiente para facilitar ainda mais os nossos serviços e ajudar na economia; afinal, a coisa não está fácil, não é mesmo?
Essa dica foi da consultora doméstica do ES, para o ESTV 1ª Edição do dia 06 de junho.
Então, vamos aproveitar? 

Como limpar azulejos e rejuntes.
250 ml de água
250 ml de água sanitária
01 pacotinho de 50 gramas de bicarbonato de sódio
Colocar a mistura em um borrifador.
Borrife na superfície do azulejo e deixe agir por 10 a 15 minutos.
Retire com uma esponja para os azulejos e uma escovinha nos rejuntes.
Para retirada de gordura nos azulejos, limpe também com vinagre.
Vocês estão lembrados das dicas sobre o vinagre?
Não esqueçam de dar uma "espiadinha" no "Utilidades e Dicas" de vez em quando...
Abraços da amiga Janete
"Bem-aventurado aquele que sabe alegrar-se em Deus, ele caminha à luz do rosto do Senhor." (Salmo 88)
Palavras de Fé - Pe. Marcelo Rossi

domingo, 9 de junho de 2013

Rocambole de carne moída

Olá, meus queridos amigos.
Vou passar essa receita para vocês, que conheço há muitos anos, mas há muitos anos também que eu não fazia; tinha até esquecido, mas assistindo ao programa ESTV 1ª edição, no quadro “Raspando a panela”, fiquei novamente com muita vontade de fazer esse rocambole; então  fiz para o almoço de hoje e realmente valeu a pena resgatar essa deliciosa receita, prática e muito fácil de fazer.
Está bem explicado, do jeito que assisti no vídeo.



Ingredientes:
01 kg de carne moída
300 gramas de presunto fatiado
300 gramas de queijo mussarela fatiado
01 colher de sopa de alho amassado com sal
01 cebola média picada
01 colher de molho inglês
01 colher de farinha de trigo
02 colheres de salsa e cebolinha picadas
01 sacola plástica grande
01 folha de papel alumínio
Como fazer:
Comece abrindo um buraco no meio da carne e coloque ali dentro o alho e o molho inglês e misture bastante para espalhar o tempero por toda a carne. Se o sal colocado no alho não for suficiente, acrescente mais um pouquinho; cuidado para não salgar demais. Coloque a cebola sempre misturando bem; em seguida o tempero verde. Espalhe o trigo e misture bastante; é ele que vai dar firmeza no rocambole. Se achar que a carne não está dando a consistência necessária para facilitar o trabalho, pode colocar mais um pouquinho de trigo, até que a carne fique firme, sem esfarelar.
Espalhe a carne no plástico aberto, tomando cuidado para não ficar muito fina, e nem muito grossa para facilitar na hora de enrolar.
Espalhe o presunto e o queijo, deixando um espaço nas beiradas, para não atrapalhar na hora de enrolar.
Enrole com cuidado, retirando o plástico. Transfira para o papel alumínio com o lado brilhoso em contato com o alimento. Leve para assar em forno pré aquecido por uma hora. Quando faltar 15 minutos para retirar, abra o papel alumínio e deixe dourar.
"Rocambole de carne moída é de dar água na boca!"
OBS: O rocambole é realmente uma delícia, mas o meu ficou um pouco seco, pois deixei mais tempo no forno e fiz com 600 gramas de carne. Fazendo com 01 Kg, com certeza vai ficar melhor.
Vocês estão lembrados da Pizza fácil? Foi o lanche da noite e como sempre, ficou saborosa. Dê uma "espiadinha" no "Cantinho da Culinária".
Uma ótima semana a todos.
Abraços da amiga Janete
"Como são grandiosos, Senhor meu Deus, os projetos e os milagres que realizastes para nós."

sábado, 8 de junho de 2013

Mensagem

Bom dia, meus queridos amigos.
Recebi essa linda mensagem no dia do meu aniversário, 15 de maio e como sempre, lembrei de compartilhar com vocês; dividir esse presente que nos fará refletir numa corrente positiva de amor, amizade e fé.
Um ótimo final de semana a todos.
Abraços da amiga Janete
Amados!!!
Não é a grandeza de nossa fé que remove montanhas, mas nossa fé na grandeza de Deus.
É dele que recebemos a luz que nos ilumina e nos ajuda a ver o grande poder que existe dentro de cada um de nós.
Talvez o nosso maior obstáculo seja justamente a falta de fé em nós mesmos.
De fato, se acreditarmos que não podemos conseguir algo, realmente seremos derrotados.
Pelo contrário, se acreditarmos e perseverarmos na luta para obter o que desejamos, seremos vitoriosos.
Não há barreiras para uma pessoa que age com fé em Deus, com determinação e perseverança.
Padre Marcelo Rossi.
"A sabedoria do pobre levanta sua cabeça e o faz sentar entre os grandes" (Eclo 11,1)

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Cecília Meireles - Poema de amor

Olá, meus queridos amigos do "Cantinho da Literatura".
O mês mais romântico chegou para embalar os corações dos namorados e enamorados.
Noites frias, romance no ar...
É sempre bom aquecer os corações com lindos sonhos, lembranças dos tempos em que as noites de junho eram comemoradas com as fascinantes ilusões dos sentimentos mais puros dos adolescentes românticos, com sorriso no olhar e a esperança de encontrar um grande e verdadeiro amor...
Era típico das noites de junho, com as festas descontraídas e  envolventes.
E é nesse clima de romantismo que durante esse mês, esse espaço será homenageado com lindos poemas de amor, começando com o nosso querido Carlos Drummond de Andrade.
Abraços da amiga Janete

NÃO DEIXE O AMOR PASSAR
Quando encontrar alguém e esse alguém fizer seu coração parar de funcionar por alguns segundos, preste atenção: pode ser a pessoa mais importante da sua vida.
Se os olhares se cruzarem e, neste momento, houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta: pode ser a pessoa que você está esperando desde o dia em que nasceu.
Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo for apaixonante, e os olhos se encherem d'água neste momento, perceba: existe algo mágico entre vocês. 
Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa, se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça: Deus te mandou um presente: O Amor.

Por isso, preste atenção nos sinais - não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida: O AMOR.
Carlos Drummond de Andrade

A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade.
A dor é inevitável. O sofrimento opcional.
Carlos Drummond de Andrade

terça-feira, 4 de junho de 2013

Maionese de Maçã



Olá meus queridos amigos.
Que tal uma salada deliciosa para acompanhamento de assados?
Essa salada foi uma sugestão da minha filha, para acompanhar um pernil de cabrito que fizemos no sábado, e foi um sucesso, pois é bem suave e muito simples de preparar.
Vale a pena experimentar essa receita e tenho certeza que vocês vão gostar.

Ingredientes:
01 maçã verde
01 pera
02 batatas cozidas
Passas brancas
Maionese light
Açafrão
Suco de limão
Castanha de caju triturada
01 maçã vermelha ou morangos para decorar
Modo de preparo:
Cortar as batatas em cubos pequenos e cozinhar com um pouco de sal.
Cortar a maçã verde e a pera em cubinhos e colocar suco de limão para não escurecer.
Ferventar as passas para que fiquem macias e misture todos os ingredientes em um refratário.
À parte, misture a maionese com o açafrão até que fique bem homogêneo e acrescente à salada.
Decore com fatias de maçã vermelha ou morangos, com folhas de hortelã.
Pode servir gelada.
Espero que tenham gostado da sugestão.
Abraços da amiga Janete
"A verdadeira coragem é ir atrás de seus sonhos mesmo quando todos dizem que ele é impossível."
Cora Coralina

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Filho da Luz


Olá meus queridos amigos.
Depois de três semana "fora do ar", pois estive na minha cidade natal, em Campos- RJ; estou de volta e, para retomar as atividades no nosso blog da amizade, nada melhor do que começar o mês e a semana com uma oração oferecida pelo Padre Marcelo Rossi.
Desejo a todos uma ótima semana.
Abraços da amiga Janete
Oração.
Senhor,
Eu sei que muitas vezes eu vivi na escuridão.
O pecado foi me consumindo e eu me acostumei com as trevas.
Eu fui infiel.
Eu abandonei o amor em busca de prazeres que não me trouxeram a felicidade.
 Eu errei, Senhor.
Mas hoje estou aqui Te pedindo perdão.
Hoje estou aqui abrindo as janelas e recebendo a Tua luz.
Que a Tua luz me invada, me retire o medo de viver e me faça um
anunciador.
Eu quero anunciar o Teu amor, mesmo que seja no deserto.
É essa a minha missão e é por isso que estou aqui nesta oração.
Faz de mim o que quiseres.
Eu Te amo, Senhor.
Sou Teu Filho.
Sou Filho da Luz!
Amém!
Padre Marcelo Rossi.
Momento Certo = Kairós + Tempo de Deus!!!

                                 


 


 



...Notícias...