segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Provérbios 4.23

Olá meus queridos amigos.
Estamos encerrando o mês de novembro, e o final do ano se aproxima; que rápido, quase não dá para acreditar que tudo está passando tão depressa, e é mais um motivo para refletirmos sobre o tempo, sobre o nosso tempo, sobre tudo, e espero que todas as mensagens reflexivas para começar as semanas que passamos juntas durante todo o ano, tenham ajudado de alguma forma, que tenham levado a cada um de vocês palavras de esperança, de fé e que tenham conseguido um tempinho para refletir e auto se conhecerem e se ajudarem, assim como eu me sinto mais fortalecida com esses textos maravilhosos, extraídos e inspirados pela Palavra de Deus, que vocês também tenham se fortalecido mais a cada semana, a cada dia, a cada tempo...
Obrigada pelo carinho e pela presença de vocês no nosso blog da amizade.
Então, vamos começar bem mais uma semana?
"Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida!" (NVI)
"Precisamos proteger, vigiar e guardar muitas coisas em nossa vida. Mas a Bíblia destaca que devemos, sobretudo, guardar o nosso coração. É por meio dele que geramos nossas decisões. Se tomarmos a decisão certa, recebemos bênçãos dos céus, mas se escolhermos por uma decisão ruim, geramos muitos problemas para administrarmos na vida. Você precisa ser mais ativo no que diz respeito ao seu coração. Vigie o tempo todo o que emana dele. Ele pode se apegar sutilmente a algo que poderá lhe trazer muitas dores posteriormente."
"Vigie sempre os seus pensamentos: deles depende a sua vida." (AM)
Vale a pena refletir sobre esse texto; precisamos olhar mais para nós mesmos, precisamos prestar mais atenção no nosso coração, no que realmente é melhor para nós.
Uma abençoada semana para todos.
Abraços da amiga Janete

domingo, 29 de novembro de 2015

Picanha ao forno

Olá, meus queridos amigos.
Estou numa fase prática na culinária, mas com certeza, essa receita que muitos de vocês já conhecem, faço questão de registrar aqui no nosso "Cantinho da Culinária", sem contar que essa carne fica muito saborosa e no "ponto" certo de tempero e cozimento.
Fácil demais, e enquanto assa, é só preparar uma maionese, uma farofa, batatas fritas e um arroz bem fresquinho; não precisa de mais nada e é um prato que geralmente fazemos aos domingos, aqui em casa, pois gostamos muito.mas não posso deixar de "confessar" que é especialidade do meu marido, para quem conhece, Tico.





RECEITA:
1 PICANHA
1 KG DE SAL GROSSO

COMO FAZER:
FORRE UM TABULEIRO COM PAPEL ALUMÍNIO, COLOQUE A METADE DO SAL GROSSO, A PICANHA E EM SEGUIDA, CUBRA COM O RESTANTE DO SAL E EMBRULHE COM O PAPEL ALUMÍNIO.
LEVE AO FORNO POR CERCA DE 1:00 h  a  1:30 h.
RETIRE DO FORNO E TIRE TODA A CROSTA DO SAL E BOM APETITE!
Viram como é fácil? Quem já fez sabe o quanto essa carne fica saborosa. PERFEITA!
Até a próxima dica de culinária.
Abraços da amiga Janete

"O amor de meu homem
não fugirá das cozinhas,
nem das fraldas do filho,
será como um vento fresco
levando consigo, entre nuvens de sonho e de passado,
as fraquezas que, durante séculos, nos mantiveram separados
como seres de distintas estaturas."
Gioconda Belli



quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Poema - Fernando Pessoa

Olá, meus queridos amigos.
 Em 25 de outubro de 2012, ele foi o homenageado nesse espaço -  dos grandes e queridos escritores; para quem não teve a oportunidade de ler, abram o "Cantinho da Literatura" e assim como ele, foram muitos que tive a alegria de partilhar com meus queridos leiores,lindas biografias, poemas, frases e pensamentos desses nobres poetas e Fernando Antônio Nogueira Pessoa  foi um dos mais importantes escritores e poetas do modernismo em Portugal e tenho a satisfação de oferecer a vocês, mais um de seus poemas. 

"O amor, quando se revela,
Não se sabe revelar.
Sabe bem olhar p'ra ela,
Mas não lhe sabe falar.

Quem quer dizer o que sente
Não sabe o que há de dizer.
Fala: parece que mente...
Cala: parece esquecer...

Ah, mas se ela adivinhasse,
Se pudesse ouvir o olhar,
E se um olhar lhe bastasse
P'ra saber que a estão a amar!

Mas quem sente muito, cala;
Quem quer dizer quanto sente
Fica sem alma nem fala,
Fica só, inteiramente!

Mas se isto puder contar-lhe
O que não lhe ouso contar,
Já não terei que falar-lhe
Porque lhe estou a falar..."


terça-feira, 24 de novembro de 2015

Dica para agilizar Escondidinho de carne seca


Olá, meus queridos amigos.
O nosso Cantinho da Culinária, sempre tem umas dicas legais para a "correria" do dia a dia.
Às vezes, quando penso em preparar uma receita mais elaborada, e o tempo é curto, desisto da ideia e preparo uma menos trabalhosa.
Escondidinho de carne seca com aipim, por exemplo, não é uma receita difícil, mas toma tempo para preparar a carne e também o aipim.
Uma dica legal, é ter sempre a carne seca ferventada e desfiada ou triturada, podendo até congelar, assim como o aipim, deve ser cozido e batido no liquidificador fazendo um creme mais grossinho, podendo também congelar.
Hoje, senti uma vontade de comer escondidinho de carne seca e lembrei que tinha guardado a carne já cozida e também alguns potes de creme de aipim no freezer, e foi muito mais fácil preparar a receita.
Por falar em receita, vou passar um jeito bem fácil e rápido de preparar o escondidinho que fiz hoje.








RECEITA:
Creme de aipim congelado
Leite
Louro em pó, noz moscada e um pouquinho de caldo em pó.

RECHEIO:
Carne seca cozida, desfiada ou triturada
Cebola picadinha
Alho
1 lata de tomates pelados
Pimentão amarelo e vermelho à gosto
Temperos à gosto.

COMO FAZER:
O aipim, quando congelado, fica parecendo mais sequinho, mas é só colocar na panela, levar ao fogo baixo e acrescentar leite, aos poucos, mexendo sempre até formar o creme. À medida que vai engrossando, vai acrescentando um pouquinho de leite; coloque os temperinhos, e pronto.
Refogue, com um pouquinho de óleo ou azeite a cebola, o alho e acrescente a carne seca, seguida dos tomates pelados, com pimentão amarelo e vermelho e os temperinhos preferidos. Deixe formar um molho e desligue o fogo.

MONTAGEM:
Unte ligeiramente um refratário com uns fios de azeite, coloque uma parte do creme de aipim e depois o molho de carne seca, seguido da outra parte do creme, salpicando queijo parmesão por cima.
Leve ao forno e deixe por cerca de meia hora e sirva, de preferência, assim que sair do forno, com arroz e salada.
BOM DEMAIS!!!!
Gostaram das dicas? 
Até a próxima com mais receitas e dicas do nosso "Cantinho da Culinária".
Abraços da amiga Janete

"Compor trovões em sol-maior
Inflamar vaga-lumes
Corromper pesadelo em alvuras
Plantar tufos a raiz da noite
E recuar ao segredo de si
Quando incontroláveis as sombras:
Dormir."
Whisner Fraga








segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Eclesiastes 3.1

Olá, meus queridos amigos.
Vamos começar bem a semana? Sejamos mais pacientes e agradecidos, esperando o tempo de Deus, o Kairós em nossas vidas.
"Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu." (NVI)
 
"Nessa vida tudo tem sua hora; há um tempo certo para tudo!" (AM)

"Tempo oportuno, é o tempo da sabedoria! Deus sempre faz tudo dentro do seu Kairós, Seu tempo perfeito e não na base do tirano tempo cronos, dos homens, Ele está acima do tempo e do espaço, e sempre apontando para o aionos, termo hebraico para o tempo eterno, indefinido. Geralmente nós vivemos, mesmo como cristãos, pelo aqui e agora, das tirânicas 24 horas do dia, mas Deus rege a vida na Terra por um tempo maior, rumo ao seu tempo eterno, e faz convergir em Cristo todas às coisas, portanto, confie que Ele está no governo e no controle de tudo. Ore e entregue seu momento de hoje e seu dia de amanhã nas mãos do Eterno, Ele o guiará em segurança!"

Alguém duvida disso?
Uma ótima semana para todos, refletindo principalmente sobre esse lindo texto.
O nosso tempo é um, mas o de Deus, assim como seus planos para todos, é outro...
Abraços da amiga Janete
 

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Tops Cropped de crochê


Olá, meus queridos amigos.
Dois graciosos tops de crochê para curtir o verão


 

Lindo Top de crochê, feito com Fio EuroRoma natural - Tamanho M/G - R$ 45,00
"Olha que coisa mais linda, mais cheia de graça..."

Top Cropped de crochê, com ponto abacaxi, feito com linha Pingouim 1000 branco - tamanho P - R$ 45,00 (Vendido)

"Quero tanto as marés
Que às vezes me surpreendo
Navegando
Com os meus próprios pés."
Marize Castro













quinta-feira, 19 de novembro de 2015

Carlos Pena Filho

Olá, meus queridos amigos.
Hoje, no Cantinho da Literatura, dois lindos sonetos de Carlos Pena Filho para vocês.


 
Soneto para Greta Garbo

"Entre silêncio e sombra se devora
e em longínquas lembranças se consome
Tão longe que esqueceu o próprio nome
e talvez já não sabe por que chora

Perdido o encanto de esperar agora
o antigo deslumbrar que já não cabe
transforma-se em silêncio por que sabe
que o silêncio se oculta e se evapora

Esquiva e só como convém a um dia
despregado do tempo, esconde a tua face
que já foi sol e agora é cinza fria

Mas vê nascer da sombra outra alegria
como se o olhar magoado contemplasse
o mundo em que viveu, mas que não via."
Carlos Pena Filho
 
SONETO OCO
 
Neste papel levanta-se um soneto,
de lembranças antigas sustentado,
pássaro de museu, bicho empalhado,
madeira apodrecida de coreto.

De tempo e tempo e tempo alimentado,
sendo em fraco metal, agora é preto.
E talvez seja apenas um soneto
de si mesmo nascido e organizado.

Mas ninguém o verá? Ninguém. Nem eu,
pois não sei como foi arquitetado
e nem me lembro quando apareceu.

Lembranças são lembranças, mesmo pobres,
olha pois este jogo de exilado
e vê se entre as lembranças te descobres.
 
 
 
CARLOS PENA FILHO
(1930-1960)
 
Nasceu e faleceu no Recife em 1930. Publicou O Tempo da Busca, em 1952; cMemórias do Boi Serapião, com ilustrações de Aloísio Magalhães, edição Gráfico Amador, Recife, 1956; A Vertigem Liicida, edição da Secretaria de Educação e Cultura de Pernambuco, 1958 e Livro Geral, edição da Livraria São José, 1959.
 
Maysa, a musa da bossa nova, gravou a canção “A mesma rosa amarela”, de sua autoria em parceria com o grande Capiba.
 
Faleceu vítima de um terrível acidente automobilístico.
 

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Colossenses 3.15

Olá, meus queridos amigos.
Que final de semana tenso que o mundo atravessou e continua com o grande sofrimento dos atentados, levando tantos a morrerem sem entenderem o que estava acontecendo; uma triste realidade avançando com o terrorismo que assusta, revolta e tira a paz da humanidade, mas não podemos desanimar, pois o Senhor da paz, do amor e da humanidade há de fortalecer na fé os homens de boa vontade e o bem vencerá.
Vamos orar, e começar bem a semana, alimentando a esperança e a paz em nossos corações e nada melhor do que uma mensagem de fé e otimismo, no texto que nos inspira a seguir firme nos propósitos de Deus em nossas vidas.

"Que a paz de Cristo seja o juiz em seu coração, visto que vocês foram chamados a viver em paz, como membros de um só corpo. E sejam agradecidos." (NVI)

"Que a paz de Cristo guarde vocês em sintonia uns com os outros. Nada de sair por aí, fazendo o que quer. Cultivem a gratidão." (AM)

"Você está em paz? então pode prosseguir! Mas se ainda não está, não avance, porque a paz de Deus é o juiz em seu coração. Ele vai dar permissão para avançar ou parar. Não avance por portas que Deus ainda não abriu. Sem paz no coração, você pode estar gerenciando uma situação na força do seu braço ou no desejo do seu coração, ou mesmo no interesse do seu bolso. E aí você sabe: se não pagar agora, vai pagar depois. Precisa somente escolher quando você pagará esta conta. Decida não sair por aí fazendo qualquer coisa de qualquer jeito. Ore, medite, converse com seus mentores e discipuladores, pondere, faça uma prova (um voto) com Deus, e aquilo que é Dele para sua vida se confirmará. Sem paz, não faça nada; você pode se machucar, machucar outros e, sobretudo, ofender a Deus."

Com muita tristeza pelo que está acontecendo na França e em todos os lugares do mundo, com terrorismos, tragédias e injustiças, mas com a certeza de que o bem há de vencer e vencerá, desejo a todos que alimentem o amor e a paz em todos os corações e que tenhamos uma semana abençoada, com muito respeito e oração a todas as vítimas.
Abraços da amiga Janete
 

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Recomeçar - Carlos Drumond


Olá, meus queridos amigos.
Hoje, claro, dia do nosso encontro no "Cantinho da Literatura", um lindo presente do querido Carlos Drummond de Andrade para vocês.

 
Não importa onde você parou…
em que momento da vida você cansou…
o que importa é que sempre é possível e
necessário “Recomeçar”.

Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo…
é renovar as esperanças na vida e o mais importante…
acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período?
foi aprendizado…
Chorou muito?
foi limpeza da alma…

Ficou com raiva das pessoas?
foi para perdoá-las um dia…

Sentiu-se só por diversas vezes?
é porque fechaste a porta até para os anjos…
Acreditou que tudo estava perdido?
era o início da tua melhora…
Pois é…agora é hora de reiniciar…de pensar na luz…
de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal
Um corte de cabelo arrojado…diferente?
Um novo curso…ou aquele velho desejo de aprender a
pintar…desenhar…dominar o computador…
ou qualquer outra coisa…

Olha quanto desafio…quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te
esperando.

Tá se sentindo sozinho?
besteira…tem tanta gente que você afastou com o
seu “período de isolamento”…
tem tanta gente esperando apenas um sorriso teu
para “chegar” perto de você.

Quando nos trancamos na tristeza…
nem nós mesmos nos suportamos…
ficamos horríveis…
o mal humor vai comendo nosso fígado…
até a boca fica amarga.
Recomeçar…hoje é um bom dia para começar novos
desafios.

Onde você quer chegar? ir alto…sonhe alto… queira o
melhor do melhor… queira coisas boas para a vida… pensando assim
trazemos prá nós aquilo que desejamos… se pensamos pequeno…
coisas pequenas teremos…
já se desejarmos fortemente o melhor e principalmente
lutarmos pelo melhor…

o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da faxina mental…
joga fora tudo que te prende ao passado… ao mundinho
de coisas tristes…
fotos…peças de roupa, papel de bala…ingressos de
cinema, bilhetes de viagens… e toda aquela tranqueira que guardamos
quando nos julgamos apaixonados… jogue tudo fora… mas principalmente… esvazie seu coração… fique pronto para a vida… para um novo amor… Lembre-se somos apaixonáveis… somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes… afinal de contas… Nós somos o “Amor”…
” Porque sou do tamanho daquilo que vejo, e não do
tamanho da minha altura.”

                              Carlos Drummond de Andrade.
Até a próxima semana, com mais uma poesia para vocês.
Abraço da amiga Janete
 

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Salmo 56.3


Olá, meus queridos amigos.
Que bom podermos começar mais uma semana, e nada melhor do que uma mensagem de otimismo e fé, para seguirmos mais confiantes.

"Mas eu, quando estiver com medo, confiarei em ti." (NVI)

"Quando fico realmente com medo, recorro a ti com confiança." (AM)
 
"O medo, mais que um sentimento, é uma potestade, um espírito maligno que atinge a humanidade, inclusive os cristãos. Para vence-lo, o cristão precisa se encher do amor de Deus, que lança fora todo medo, e, assim, receber a plenitude do Espírito Santo, que lhe traz fé, coragem e ousadia. Toda vez que você sentir medo, não se deixe abalar, não desanime, não se deixe abater, não retroceda; pelo contrário, renove sua confiança no Senhor e prossiga. Avance! O Senhor o levará a lugares altos!"

Essa carapuça me serviu, pois sou uma pessoa medrosa, apesar de ter superado alguns medos; afinal, sinto-me cada dia mais fortalecida, graças a Deus, mas preciso trabalhar e refletir mais; então, vamos refletir?
Uma abençoada semana a todos.
abraços da amiga Janete

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

A CANÇÃO DE MARIA - MANUEL BANDEIRA

Olá, meus queridos amigos.
Uma linda e singela poesia para vocês, do nosso querido escritor Manuel Bandeira.
Esse é o nosso "Cantinho da Literatura"
Tem muita coisa boa para vocês lerem, pesquisarem e curtirem nesse espaço cultural de janetenaweb.
Abraços da amiga Janete


Que é de ti, melancolia?...
Onde estais, cuidados meus?...
Sabeis que a minha alegria
É toda vinda de Deus...

Deitei-me triste e sombria,
E amanheci como estou...
Tão contente! Todavia
Minha vida não mudou.
Acaso enquanto dormia
Esquecida de meus ais,

Um sonho bom me envolvia?
Se foi, não me lembro mais...
Mas se foi sonho, devia
Ser bom demais para mim...
Senão, não me sentiria
Tão maravilhada assim.

Ó minha linda alegria,
Trégua dos cuidados meus,
Por que não vens todo dia,
Se é toda vinda de Deus?

© MANUEL BANDEIRA 
In A cinza das horas, 1917

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

1 Crônicas 16.12

Olá, meus queridos amigos.
Essa semana começa com um motivo muito especial para refletirmos sobre a vida e tudo o que nos aconteceu até aqui. Será que temos boa memória, para nos lembrar de todos os livramentos, das curas ao longo de nossas vidas e de todos os suprimentos e amparo nos momentos mais difíceis e de maior necessidade?
Ou será que só nos lembramos de Deus nos momentos de dificuldades e depois que tudo se ajeita, Ele cai no esquecimento?
A vida passa tão depressa, não é mesmo? E a prova disso, está no dia de hoje, no dia 02 de novembro, onde se é celebrado o dia de finados, o dia das saudades e das lembranças dos nossos entes queridos; e esse é o motivo especial, pelo qual devemos, ao longo dessa semana, fazer uma séria reflexão sobre a realidade da vida e da morte, e lembrar sempre do poder de Deus e das maravilhosas obras que Ele faz em nossas vidas.
O texto de hoje, é uma boa oportunidade para refletirmos melhor sobre o que realmente esperamos e recebemos de Deus, não importa as circunstâncias.

Vamos começar bem a semana? Vamos refletir?

"Lembrem-se das maravilhas que Ele fez, dos seus prodígios e das ordenanças que pronunciou." (NVI)

Seu Deus é o Deus das maravilhas. Ele age e trabalha para que céus e terra sejam movidos por amor a você. Não se esqueça das maravilhas do passado somente porque, hoje, você atravessa um tempo de dor, perdas e desertos. Prossiga, avance e creia. Deus está agindo para revelar mais da sua Glória, amor, poder e cuidado sobre sua vida. Ele fez no passado, fará no presente e no futuro, porque olho nenhum viu, mente nenhuma imaginou o que Ele preparou para aqueles que O amam! Nunca se submeta à tentação de perder nas trevas o que Deus lhe deu na luz. Se você atravessa uma sexta-feira escura, creia que seu domingo de sol vai chegar!

Uma ótima semana a todos, com um abraço especial da amiga Janete





...Notícias...