domingo, 30 de junho de 2013

São Pedro e São Paulo

 Boa noite, meus queridos amigos.
Hoje é o último dia do mês mais romântico, como citei anteriormente, com lindos poemas românticos no “Cantinho da Literatura”; a alegria das festas juninas e o clima agradável que chegou junto com a estação do inverno que começou na semana passada, enfim..., para fechar esse mês de tantas comemorações, não posso deixar de falar sobre esses dois personagens tão importantes, que são homenageados no dia 29 de junho, que são Pedro e Paulo, apóstolos de Jesus, encerrando assim as comemorações das festas juninas.
Desejo uma ótima semana a todos e que esse mês de julho seja muito produtivo e abençoado.
Abraços da amiga Janete

    São Pedro  
O apóstolo - pescador do lago de Genezareth, cativa seus devotos por sua história pessoal.
Homem de origem humilde, que foi apóstolo de Cristo e posteriormente encarregado 
de fundar a Igreja católica, tendo sido assim, o primeiro papa.
Depois da sua morte, São Pedro segundo a tradição católica, 
São Pedro foi nomeado o chaveiro do céu.
Para entrar no céu, é necessário que São Pedro abra as portas.
Também lhe é atribuída a responsabilidade de fazer chover, 
assim quando começa a trovejar, e as crianças choram 
com medo, suas mães tentam acalmá-las dizendo: " é a 
barriga de São Pedro que está roncando" ou " ele está mudando os móveis do lugar".
No dia 29 de junho, São Pedro é cultuado como protetor das viúvas (sendo estas mulheres que, geralmente, organizam a sua festa) e dos pescadores e são realizadas procissões marítimas 
em sua homenagem em Ubatuba; em Fortaleza, na praia de Iracema, ...
Dizem que as pessoas, quando chega o dia de São Pedro, estão muito cansadas 
por causa da noite joanina e já não têm resistência para grandes folias,
 sendo os fogos e o pau-de-sebo as principais atrações da festa.
No dia de São Pedro, todo homem que tem Pedro ligado a seu nome 
deve acender fogueiras na porta das suas casas e amarrando-se
 uma fita no braço de um Pedro, ele se vê na obrigação de dar um presente 
ou pagar uma bebida a pessoa que o amarrou, em homenagem a São Pedro.
A bondade, a simplicidade e boa - fé deste santo, pode ser exemplificada 
através da seguinte história: "São Pedro, discípulo de Jesus nascido 
em Betsaida, cujas principais fontes de informação sobre sua vida são os 
quatro Evangelhos (Mateus, Marcos, Lucas e João), os Atos dos Apóstolos,
 as epístolas de Paulo e as duas epístolas do próprio Pedro.
Irmão do apóstolo André, seu nome original era Simão e na 
época de seu encontro com Cristo morava em Cafarnaum.
Pescador, tal como os apóstolos Tiago e João, trabalhava com o irmão e o
 pai e foi apresentado a Jesus por seu irmão, em Betânia, onde tinha ido
 conhecer o Cristo, por indicação de João Batista.
No primeiro encontro Jesus o chamou de Cefas, que significava pedra, 
em aramaico, determinando, assim, ser ele o apóstolo escolhido 
para liderar os primeiros propagadores da fé cristã pelo mundo.
Convertido, transformou-se em líder dos apóstolos, foi 
o primeiro a perceber em Jesus o filho de Deus.
Teve, também, seus momentos controvertidos, como quando 
usou a espada para defender Jesus e na passagem da tripla negação, 
e de consagração, pois foi a ele que Cristo apareceu pela primeira vez depois de ressuscitar.
Após a Ascensão, presidiu a assembléia dos apóstolos que escolheu 
Matias para substituir Judas Iscariotes, fez seu primeiro 
sermão no dia de Pentecostes e peregrinou por várias cidades.
Após se encontrar com São Paulo, em Jerusalém, passou 
a viver em Roma, onde, segundo a tradição, foi executado por ordem de Nero.
Conta-se, também, que pediu para ser crucificado de cabeça
 para baixo, por se julgar indigno de morrer na mesma posição de Cristo.
É festejado no dia 29 de junho, um dia de importantes manifestações
 folclóricas, principalmente no Nordeste brasileiro.

São Paulo 
Nasceu em Tarso da Sicília, por volta do ano 10 da era cristã.
Além de ser judeu, era também cidadão romano.
Desde pequeno foi educado conforme a doutrina dos fariseus.
Destacou-se como um implacável perseguidor das primeira comunidades cristãs.
Foi conivente com o assassinato de Santo Estevão.
Sua conversão ocorreu de modo inesperado quando ele estava a 
caminho de Damasco, liderando uma perseguição contra os cristãos daquela cidade.
Jesus Ressuscitado apareceu-lhe e o derrubou do cavalo, 
transformado-o de cruel perseguidos dos cristãos em ardoroso apóstolo dos gentios.
Paulo consagrou toda a sua vida a serviço de Cristo, viajando
 por todo o mundo, anunciando o Evangelho de Jesus Cristo.
Percorreu a Ásia Menor, a Grécia e Roma. São Paulo era o mais culto dos apóstolos.
Era homem de grande poder de liderança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá eu Gostária, da sua opinião.

...Notícias...