quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Novos Caminhos

Olá, meus queridos amigos!

O nosso último "bate-papo" foi no dia 5 de setembro quando o nosso blog da amizade completou 5 anos. Vamos conversar mais um pouco?

Tenho uma novidade para contar e partilhar com vocês: comecei a frequentar um Centro de Convivência para idosos no bairro em que moro, que é o CCJC, em Jardim Camburi. Desde que completei 60 anos, e já aposentada, fiquei um pouco entediada apesar das muitas tarefas que executo como cuidar da casa, fazer meus trabalhos manuais, cuidar do blog, dentre outras. Mesmo tendo muito o que fazer, a falta de sair de casa, preencher o vazio que ficou, era necessária - e quem se aposentou sabe bem o que quero dizer - e eu precisava de alguma coisa que melhorasse um pouco a minha alto-estima, que me distraísse e me fizesse mais feliz. Após a  perda da minha querida e amada mãe, o vazio tornou-se ainda maior e tudo mudou em minha vida, coisa que também só sabe quem já passou por isso. Mas, voltando ao Centro de Convivência de Jardim Camburi, não foi uma decisão fácil, levei mais de 1 ano e meio para tomar coragem e dar o primeiro passo: tentar alguma vaga. Eu precisava de umas aulas de alongamento e Pilates, mas como estavam todas preenchidas, optei  por outras atividades e escolhi "Criativa idade" e "Aeróbica" - o que jamais me vi fazendo antes - e para minha surpresa, lá estava eu, na primeira aula!
Bem, o que quero contar é que estou fazendo muita fé de que vou me dar bem, apesar de não ser muito jeitosa.
Na Criatividade, estou aprendendo fazer crochê de dedo e cachecol de Tear e confesso estar encantada e com muitas ideias; sabem como funciona artesanato quando já está na "veia"? É isso aí. Enquanto aprendo uma coisa, já tenho dez ideias no pensamento, ansiosa para fazer tudo e mostrar para vocês; faz mais ou menos um mês que estou frequentando e consegui fazer um colar de crochê de dedo e um cachecol de Tear que vocês vão conhecer em breve, e já vou criar outra categoria: "Crochê de dedo e Tear" e tudo isso, com a paciência e dedicação do professor Gustavo e da carinhosa Mariana.
Na Aeróbica, é pura diversão, pois não me imaginei frequentando dança e muito menos essa "loucura" que é dançar com coreografia. Gente, vocês não imaginam o quanto sou envergonhada, sem contar que o professor é muito rápido nas coreografias (não sei como ele não se perde!), são várias músicas, vários ritmos e sei que estou me divertindo, meio perdida no meio da turma, mas pretendo continuar.  
É muito interessante o apoio que a Prefeitura dá para esses Centros de Convivência e eu, que já estive num Projeto da Melhor Idade por seis anos, no lugar de "professora/instrutora" sei o quanto é importante para qualidade de vida de todos que frequentamos esses espaços, inclusive para os professores; afinal, é uma grande troca de experiência e quero aproveitar para parabenizar a todos os Órgãos que têm essa iniciativa. E quanto a mim, encontro-me no mesmo lugar que os meus queridos "alunos" ocupavam, e tenho certeza, com a mesma carência e gratidão pelo empenho e carinho dos professores e estagiários, assim, desse mesmo jeito, jeito de vida que segue...
Sempre que tiver alguma novidade, algum evento, na oportunidade vocês irão acompanhar no nosso Blog da amizade, como sempre faço e para começar, já tem uma foto da turma da Aeróbica e como o professor costuma chamar de "divas", vejam que legal que ficou.
Obrigada pelo interesse no nosso "bate-papo" e até o próximo "Conversando com você".


Abraços da amiga Janete

Professor Nei com suas "divas"
"E assim entre o que eu penso
e o que tu sentes.
A ponte que nos une - é estar ausentes."
Reinaldo Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá eu Gostária, da sua opinião.

...Notícias...