quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Amor do Pai - Ivone Boechat

Olá, meus queridos amigos.
Chegamos na semana do dia dos pais. Rápido, não é mesmo? Então, para todos os pais, o nosso "Cantinho da Literatura" oferece essas duas lindas poesias que encontrei numa página de dicas Gospel e aproveito para parabenizar as autoras Ivone Boechat e Norma Penido, que embora eu não as conheça, proporcionaram essa homenagem para esse dia tão especial.


Amor do Pai
Autora: Ivone Boechat

O amor de pai é indiscutível:
mão calejada, camisa suada,
pressa, canseira,
doação,
o pai é avalista
dos erros na contramão.
O amor de pai é visível:
joelhos dobrados,
prece escondida,
braços abertos,
olhar de ternura,
perdão.
Pai é alguém muito especial:
produtor,
diretor,
ator, figurante
do filme, ao vivo, em cores,
com o roteiro da vida escrito
nas linhas de sua mão.

Pai Quando Venho Falar Contigo
Autora: Norma Penido

Pai, quando eu venho falar contigo…
Com o coração magoado e intranquilo
Eu encontro em ti, mais que um amigo
Com a palavra certa para o meu alívio
Pai, quando eu venho falar contigo…
Temendo o vento e a força da tempestade
Nos teus braços encontro o seguro abrigo
E me escondo, até que passe a calamidade
Pai, quando eu venho falar contigo…
Sentindo-me sem ânimo para caminhar
Tu me abençoas e pela estrada prossigo
Com forças renovadas, para muralhas saltar
Pai, quando eu venho falar contigo…
Sentindo-me incapaz e sem nenhum valor
No teu amor e no teu cuidado eu consigo
Sentir que sou muito mais que vencedor
Pai, quando eu venho falar contigo…
E me fazes sentir o quanto sou amado
Fico sem palavras, nunca sei o que digo
E expresso o meu amor, muitas vezes calado
E meio sem jeito, neste grande embaraço
Sinto-me criança, em busca de um abrigo
E encontro o refúgio nos teus ternos braços
Todas as vezes que eu venho falar contigo…
FELIZ DIA DOS PAIS
ABRAÇOS DA AMIGA JANETE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá eu Gostária, da sua opinião.

...Notícias...