terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Costa Azul


Olá meus amigos.
Vocês devem ter percebido que Fundão é um município que oferece muitas oportunidades para o turismo, nas belas praias em suas proximidades.
Aqui, no espaço de "Curiosidades do Espírito Santo", só nessa região, conhecemos a Praia Grande, Praia do Rio Preto, Enseada das Garças e hoje, especialmente, a Praia da Costa Azul - em seguida, vamos conhecer um pouco sobre Fundão.
Espero que vocês tenham curtido as curiosidades dessas belas praias do norte do Espírito Santo. 
Abraços da amiga Janete

Costa Azul (Fundão)
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
 O Balneário Costa Azul ou simplesmente Costa Azul é um bairro do distrito de Praia Grande, no município brasileiro de Fundão, estado do Espírito Santo.
Localização: a 3 km da Praia Grande, sentido Aracruz a Praia da Costa Azul é uma ótima opçãopara surfistas, para quem gosta de tranquilidade, além de ser um local privilegiado para quem gosta de uma boa pescaria, um belo lugar que apesar de possuir casas, em quase toda extensão, ainda preserva sua vegetação de restinga essencial para a manutenção das desovas de tartarugas, suas areias são grossas e suas ondas conquistam os amantes do surf. Lugar ideal para uma boa caminhada, mas lembre-se de levar água e boné, pois são 2 km de praia com poucos estabelecimentos comerciais, a praia se localiza a 60m da Rod. ES-010.
Fundão: Resumo:





É um município com características rurais e está às margens do Rio Reis Magos. Ligado a Nova Almeida, foi daí que recebeu a maior parte do seu território, inclusive seu principal balneário, Praia Grande. Fundão se apresenta como um município com vocação turística, agregando valores pertinentes ao turismo histórico-cultural, sol e praia, agroturismo, ecoturismo, de aventura e também turismo social de de lazer.

Localização: Praia Grande. O Rio Reis Magos ou Fundão corta todo o
município e se constitui na fronteira entre Fundão e Serra. Ao desembocar no mar, entre Nova Almeida e Praia Grande, seu estuário forma um mangue, que é um dos ecossistemas associados à Mata Atlântica. Em conjunto, os manguezais de Fundão, Aracruz e Vitória formam uma das maiores áreas de mangues preservados do país. O rio faz parte do cotidiano da população ribeirinha de pescadores que retiram das águas a sua sobrevivência.
Utilizam, para tanto, canoas rústicas, praticamente artesanais e se lançam entre saliências e reentrâncias do rio. O rio não é mais navegável para barcos de calado superior a dois metros, pois o fundo de suas água é lamacento em algumas regiões e pedregoso em outras, sendo necessário um condutor bastante experiente e que conheça os diversos percursos navegáveis. Suas águas escuras e férteis com inúmeras variedades de peixes e crustáceos como o robalo, o tucunaré e os caranguejos, que vivem nas partes mais rasas. Suas margens são cobertas por uma vegetação de raízes expostas e retorcidas, com até quatro metros de altura, típicas de áreas de manguezal. O rio se abre em diversos braços que parecem extensos labirintos de vegetação, entre eles o Braço do Macaco. Existem rios locais com pequenos ancoradouros de barcos de pesca. Apesar de ser área de preservação, em suas margens são encontradas algumas fazendas. Além do Rio Reis Magos ou Fundão e seus afluentes, a rede hidrográfica do município é constituída pelos rios Piabas, Carneiro, Timbuí e Rio Preto.


 "A humildade é um excelente remédio contra o orgulho e o ciúme."


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá eu Gostária, da sua opinião.

...Notícias...