sábado, 11 de setembro de 2010

Torta de Repolho com Sardinha

Olá,
Hoje vou deixar no nosso "Cantinho da Culinária" duas receitas bem simples:
Torta de Repolho com Sardinha (Uma das receitas dessa categoria) e o Bolo Amélia.

Torta de Repolho com Sardinha

Vocês vão se surpreender, pois é uma receita diferente do que deve estar imaginando, mas fiz e aprovei; espero que você também aprove.

02 pratos de repolho cru, 2 latas pequenas de sardinha, 1 pacote de queijo parmesão ralado, 3 ovos, 1 xícara (- 2 dedos) de óleo, 1 cebola média picada, cheiro verde, 1\2 xícara de trigo, 1\2 xícara de maisena, sal, tempero pronto (pode ser Sazon) ou outro de sua preferência e 1 colher de sopa de fermento em pó.

Modo de preparo:

Corte o repolho bem fininho, coloque em uma vasilha + ou - grande, misture todos os outros ingredientes e por último o fermento em pó. Leve para assar em forno médio até que fique dourado e que colocando um palito saia limpo.

Viu como é simples? Essa receita foi uma consulta à internet, quando eu quis fazer uma receita com repolho e que fosse simples e rápida. Testei e gostei. Fica aí prá você, com muito carinho.





Bolo Amélia

Esse é o bolo que mais sinto saudades da infância, e até hoje quando faço, sinto o mesmo sabor daquele tempo... Ajuda a trazer a minha mãe prá mais perto de mim, afinal, até hoje ela lembra desse quitute que fazia tanto para a família e se deixar, faz até hoje.
Esse bolo já não é mais desconhecido, pois muitos o conhecem, mas prá mim é como uma tradição da minha cidade, em Campos-RJ.

Ingredientes:

03 ovos
03 colheres de margarina
02 xícaras de açúcar
02 xícaras de farinha de trigo
01 pitada de sal
01 litro de leite fervendo

Como preparar:

Bata as claras em neve e reserve; em seguida, bata as gemas com a margarina e o açúcar. Deixe de bater e acrescente a farinha de trigo, a pitada de sal e as claras em neve. Depois de tudo misturado, retire o leite do fogo que deve estar fervendo e adicione, aos poucos, misturando delicadamente até que forme um creme.
Unte uma forma para pudim e leve para assar em forno médio, de preferência em banho Maria.
Para quem não conhece, esse bolo costuma subir e pode entornar, dependendo da forma, mas depois ele abaixa.
Fica parecendo um pudim, porém mais pastoso e é um sonho; muito gostoso mesmo.
Quando gelado, ainda melhor, pois fica mais firme para cortar.
Se preferir, pode fazer uma calda para pudim, na própria forma, ao invés de untar com margarina e trigo. Eu prefiro sem a calda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá eu Gostária, da sua opinião.

...Notícias...